Chuvas provocam alagamento de ruas e transtornos no trânsito; veja vídeos

chuvas
Com as fortes chuvas em Maceió, os velhos problemas voltam a surgir: ruas alagadas e o trânsito caótico. Por meio das redes sociais, internautas compartilham os problemas de seus bairros.

Nas imediações do viaduto João Lyra, em Mangabeiras, a situação está crítica devido ao grande volume de água. O caos se repete nas imediações da Feirinha da Jatiúca e na Avenida Amélia Rosa. A orientação é que os condutores desviem o caminho. (No fim da matéria confira vídeos enviados por internautas).

O meteorologista Vinicius Pinho, da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh), informou, na noite desta terça-feira (29), que a Sala de Alerta da pasta já emitiu avisos a Defesa Civil em relação às chuvas que caem em Alagoas desde a madrugada.

Segundo ele, as chuvas, acompanhadas de raios e rajadas de ventos, devem continuar até amanhã pela manhã. “As pancadas estão atingido toda a capital, região metropolitana, litoral e Zona da Mata do Estado”, afirma o meteorologista, ressaltando que a previsão é que as pancadas cheguem à região Agreste.

76 áreas são consideradas de risco

Conforme um levantamento da Coordenadoria Municipal de Defesa Social de Maceió (Comdec), na capital alagoana existe 76 grotas em área de risco, sendo que 50% estão concentradas no Vale do Reginaldo.

As áreas são divididas em sete complexos: Benedito Bentes, Chã da Jaqueira, Tabuleiro, Lagunar, Vale do Reginaldo (parte de baixo e parte de cima) e Litoral Norte. A Comdec faz o monitoramento constantemente.

Ocorrências

Em contato com a assessoria de Comunicação do Corpo de Bombeiros Militar de Alagoas (CBM/AL), a reportagem do CadaMinuto foi informada esta noite que uma equipe foi deslocada ao bairro Fernão Velho, na capital. É que moradores ligaram para a central denunciando que no local há um grande risco de desabamento.

No final da manhã, os militares registraram um desabamento de uma residência no Mutange. Por sorte, ninguém ficou ferido. A estrutura chegou afetar outro imóvel.

Procurada pela reportagem, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) afirmou que não há registro de ocorrências nas rodovias alagoanas.


Guilherme Carvalho Filho*

(Visited 48 times, 1 visits today)