Prefeitura remove jangadas-sucatas da Praia da Pajuçara

jangada-acessivel2-377x290

Em mais uma ação de fiscalização conjunta, a Prefeitura de Maceió abordou cerca de 70 embarcações turísticas que realizam passeios nas piscinas naturais da Praia da Pajuçara. Realizada nesta quinta-feira (10), a ação acontece regularmente e é coordenada pela Secretaria Municipal de Promoção do Turismo (Semptur), em parceria com outros órgãos municipais, e busca garantir a qualidade dos serviços oferecidos nos quesitos que dizem respeito à segurança, preservação ambiental, saúde e normais de navegação.

Durante a intervenção, além do trabalho de orientação e fiscalização junto aos jangadeiros em atuação, também foi realizada a remoção de embarcações deterioradas e abandonadas nas enseadas.  Ana Cecília Corado, coordenadora geral de projetos da Semptur, explica que a ação foi realizada em parceria com a Superintendência de Limpeza Urbana de Maceió (Slum), com intuito não só de minimizar a poluição visual da praia, mas também de garantir condições de limpeza e segurança aos usuários da orla.

“Algumas das embarcações retiradas estavam acumulando lixo e poluindo esse espaço estratégico que serve como área de embarque para a navegação até as piscinas naturais”, explicou a coordenadora. A ação impediu que as jangadas que estavam em condições inadequadas saíssem para passeios colocando em risco a segurança dos passageiros.

Ao todo, 11 jangadas foram retiradas da praia. Antes da remoção, os jangadeiros foram notificados sobre a ação, dando-lhes a opção de eles mesmos fazerem a retirada, caso preferissem.

Também participaram da operação a superintendências municipais de Transportes e Trânsito (SMTT), e do Controle e Convívio Urbano (SMCCU), além da Capitania dos Portos, a Operação Policial Litorânea Integrada (OPLIT), a Guarda Municipal e a Polícia Militar (PM).

Ascom Semptur