Reeducandos melhoram vida da população nas comunidades

Mais do que promover a justiça e segurança nos presídios, o Governo do Estado tem investido cada vez mais na ressocialização, com trabalhos voltados para sociedade. Após revitalizar as Grotas do Aterro, Pau D’Arco, Canaã e Ouro Preto, os reeducandos dos regimes aberto e semiaberto concluíram os serviços de limpeza, pintura e desobstrução de vias na Grota das Piabas.

Os trabalhos dos custodiados foram coordenados pela Secretaria de Estado da Ressocialização e Inclusão Social (Seris). A Grota das Piabas foi contemplada com as obras de mobilidade urbana do Programa ‘Vida Nova nas Grotas’, no último final de semana. As ações ocorreram em parceria com a Organização das Nações Unidas (ONU), com a mobilização de várias pastas do Executivo.

O presidente da Associação dos Moradores das Piabas, Robson Lima, destaca as ações do Governo para melhorar a vida dos moradores das grotas de Maceió. “A gente vive nessa comunidade faz tempo e nunca vimos avanços tão grandes como agora. Hoje, com o ‘Vida Nova nas Grotas’, o Governo tem reconhecido nosso valor e garantido nossos direitos como cidadão”, disse.

O líder comunitário enfatiza ainda a importância das oportunidades criadas para reinserir os apenados no âmbito social, com dignidade e respeito. “Esse trabalho é importantíssimo, não só para os reeducandos, como para sociedade em geral. É fundamental essa atenção do Estado, gerando condições para que eles reparem o erro, comecem uma vida nova e não voltem a delinqüir”.

O assessor executivo de Contratos e Convênios da Ressocialização, coronel PM Marcos Lima, fala sobre o empenho dos servidores penitenciários para fomentar o Projeto ‘Vida Nova nas Grotas’.

“A Seris, com sua equipe integrada, trabalha em conjunto para dar apoio ao Governo do Estado, que não tem poupado esforços para levar serviços de qualidade para população”, finaliza.

Ascom – 26/03/2018

(Visited 1 times, 1 visits today)